Blog is a losing game.


Backstreet Boys @ Citibank Hall – 07/03/2009

018935267-fmm00

Foto: G1

São 1:08 da manhã e acabo de chegar do show de uma banda que fez parte da minha vida na minha adolescência.

Os Backstreet Boys voltaram para dois shows no Brasil com uma turnê bem mais modesta em relação aquela que lotou o Maracanã em 2001 e eu não tive a oportunidade de ir. Com menos coreografias e mais idade,  se mostraram gratos e realizados ao ver que seu público de oito anos atrás continua mantendo o carinho pela banda.

Como em quase toda turnê a abertura ficou por conta de Larger than life. O suficiente pra enlouquecer todas os fãs que lotaram o Citibank Hall. Depois disso, foi um desfile de hits e músicas dos trabalhos mais recentes dos rapazes.

The One

Entre uma música e outra, os rapazes mostram o que andam fazendo quando não estão em grupo. Cada um tem seu momento para mostrar algo do seu trabalho  solo. Destaque para Brian e AJ, o que se mostraram mais desenvoltos nas suas músicas.

Welcome Home You – Brian Solo

Para encerrar o show, tinha que ser com Everybody e Shape Of My Heart, dois dos maiores suscessos da carreira. Everybody enlouqueceu e “Shape…” levou muitos às lágrimas. Um show que não deveu nada aos fãs, sejam eles de qualquer época.

Shape of My Heart

Set List:

Larger than Life/Stronger
Everyone
Any Other Way
You Can Let Go
Unmistakable
I Want It That Way
She’s Like The Sun – Howie D
Show Me The Meaning of Being Lonely
More Than That
Trouble Is
Incomplete
Drive By Love – AJ
Panic
I Got You – Nick
Quit Playing Games With My Heart
As Long As Love Me
All I Have To Give
I’ll Never Break Your Heart
Inconsolable
Welcome Home You – Brian
The One
Treat Me Right
The Call
EveryBody
Shape of My Heart

Anúncios

A boa de hoje?

bsb_brasil

Sem vergonha alguma, assumo que vou vê-los hoje. Hora de soltar a franga de 15 anos de idade que existe dentro de mim. Tenho a impressão que vou voltar surda, porque fã de boy band é histérico.

Resenha e fotos em um futuro próximo, e espero que dessa vez não dê zica.


Então…

Eu disse nesse post aqui que provavelmente não iria ver Backstreet Boys em março, mas as coisas mudaram….

img005

I´m fifteen all over again.


O que fazer em 2009 no quesito shows

Sempre tento prever como vai ser o ano que vai entrar, mas  não acerto muito. Porém, acho que 2009 vai ser recheado no quesito música, porque o  ano nem chegou e alguns shows já começam a se confirmar, ou muito provavelmente vão passar por aqui.

Na minha lista já estão:

alanis_morissette

Alanis Morissette – 04/02 – Confirmadésimo, tá lá no site dela e tudo. E são 11 shows, nunca vi artista gringo fazer tanta apresentação aqui!

littlejoy05_musicasocial

Little Joy – 06/02 – Amarante+Moretti+Circo voador= Show imperdível.

radiohead

Radiohead – 20/03 – Não sou aquela fã xiita como milhares espalhados por aí, mas gosto dos caras e acho que eles são o tipo de banda vale a pena assistir ao vivo. O que não está contribuindo muito é o precinho salgado do ingresso: Ainda bem que vai ser um festivalzinho, que até agora só tem Thom Yorke & cia. e os alemães do Kraftwerk, que eu nunca ouvi.

coldplay

Coldplay – 28/03 – Só surtarei mesmo quando tiver lá, no site oficial. Mas parece que está bem certo uma turnê por aqui. E dessa vez, com show em mais de um lugar, e não três shows seguidos na mesma cidade e em um lugar minúsculo. A passagem deles em 2007 foi ruim por isso, e em locais muitos pequenos.

Show que não vai rolar:

Backstreet Boyseu postei toda animada que ia ter oportunidade de ver a minha boy band preferida  já que não fui no mega show do Maracanã. Porém, quando eu soube que a meia-entrada estava 90 reais, eu tive que desapegar.  Saber priorizar é um mal necessário.

Espero que em 2009 muitas outras bandas venham nos visitar e que eu tenha verba suficiente para ir em todas.


Backstreet´s back, alright?

A notícia de ontem de que os Backstreet boys podem voltar ao Brasil ano quem despetou uma felicidade estranha em mim. Eu gosto de BSB hoje? Não. Ouço os cds que eu tenho em casa? Também não. Quero ir ao show, se ele ocorrer? SIM.

Já me explico: a vontade de vê-los ao vivo tem o único objetivo de colocar um ponto final no ciclo 15 anos-boyband-disk mtv-revista capricho da minha vida. Não tive a oportunidade ver o show deles em 2001, por razões que nem eu mesmo sei. Tinha uma mentalidade muito diferente da que eu tenho hoje, não fazia esforços para ver as bandas que eu gosto, ou não fazia muito esforço, pra nada, na verdade. Então eu meio que me sinto na obrigação de ir nesse show, para quita a dívida com a karine de 7 anos atrás, Não que ela esteja cobrando, é claro.